Encontre o Oceano Azul e torne sua concorrência irrelevante

Você já ouviu falar na técnica do Oceano Azul? Sabia que com ela é possível você tornar a sua concorrência irrelevante ao inovar em seu negócio?

Mas afinal do que se trata a técnica do Oceano Azul e como empregá-la em sua empresa? Sobre este assunto passaremos a tratar nas linhas seguintes. Acompanhe conosco!

A técnica do Oceano Azul

No ano de 2005, W. Chan Kim e Renée Mauborgne escreveram um livro intitulado “A Estratégia do Oceano Azul” no qual eles ensinavam a detectar, bem como explorar os novos mercados existentes, que a princípio estão sem concorrentes.

Nesse momento estava sendo lançada a Estratégia do Oceano Azul que disponibilizava um conjunto de ferramentas baseadas em oito pontos fundamentais.

A ideia é aplicar esses oito pontos e se ver livre do grande oceano vermelho. Uma vez tendo fugido desse oceano, o empreendedor poderá navegar calmamente nas águas prósperas do Oceano Azul.

Na sequência listaremos aqueles que são os oito pontos fundamentais da estratégia do Oceano Azul para que você os conheça e saiba empregá-los em sua empresa.

A Estratégia do Oceano Azul: 8 pontos fundamentais

As empresas estão continuamente buscando se sustentar e assim obter vantagens competitivas, mas isso tem gerado uma batalha que tem feito surgir um verdadeiro Mar de Sangue, ou seja, o oceano vermelho.

Para fugir desse contexto avassalador muitas empresas já estão buscando alternativas de forma a continuar obtendo seus lucros e a rentabilidade necessária. Uma dessas estratégias e a técnica do Oceano Azul que passaremos agora a entender os seus 8 pontos fundamentais.

1. Dados e fatos são a base

Os dados e os fatos são a base da técnica do Oceano Azul. Porque ao longo de mais de 100 anos foram feitos estudos estratégicos em mais de 30 diferentes ramos de indústrias, e o resultado foi a obtenção de informações preciosas que se aplicadas corretamente terão os resultados esperados.

2. Baixo custo e diferenciação

Quando você estuda administração certamente aprende que existe dois caminhos para o seu negócio: Ou sua empresa faz a produção com baixo custo ou então produz com aquela qualidade diferenciada.

Para a estratégia do Oceano Azul essa afirmação não existe, visto que propõe exatamente explorar as duas situações de diferenciação e de baixo custo.

Com essa estratégia pensa-se não em optar, mas sim, em somar resultados para obter mais e mais vantagens.

3. O mercado inexplorado é explorado

Diferentemente do que muitas outras estratégias propõem, a técnica do Oceano Azul não prever o acirramento da competição e a luta constante para derrotar os seus concorrentes.

Na verdade, o quê se propõe com essa técnica é buscar tornar a sua concorrência irrelevante quando se propõe a criação de uma nova perspectiva dentro de um determinado segmento ou ramo de negócio.

4. Utilização de ferramentas para aproveitar as oportunidades

A ideia é navegar pelo oceano azul fugindo da competição desenfreada mas sempre com foco no desenvolvimento.

Como a técnica propõe navegar explorando, é preciso enxergar as oportunidades para continuar navegando e desenvolvendo. E para isso é que foram criadas as diversas ferramentas utilizadas na Estratégia do Oceano Azul.

5. Siga o passo-a-passo pré-estabelecido

Existe um conjunto de 4 passos pré-estabelecidos para você chegar ao sucesso. Esses passos são percorridos ao longo de seis fronteiras que devem ser superadas ao mesmo tempo que implementadas.

Mas não se preocupe porque todos os passos já foram perfeitamente testados e retestados, o que se tornaram comprovadamente benéficos para obter o sucesso.

Para você entender melhor, conheça agora as seis fronteiras da técnica do Oceano Azul:

Examine os setores alternativos

Examine os grupos estratégicos dentro dos setores

Examine a cadeia de compradores

Examine as ofertas de produtos e serviços complementares

Examine os apelos funcionais e emocionais dos compradores

Examine o transcurso do tempo

Conheço também os quatro passos dessa estratégia:

– Despertar o visual: Para isso você deve fazer uma comparação entre sua empresa e à dos concorrentes para entender o que deve ser melhorado;

– Exploração do visual: Nesse passo você deve ir ao campo para transplantar as seis fronteiras, ao tempo que vai observando as vantagens e tudo aquilo que deve ser criado, mudado ou excluído;

– A feira da Estratégia visual: Aqui você deve criar um sistema de avaliação de valor baseado no que você aprendeu e no feedback dos clientes;

– A comunicação visual: Nesse passo você deve criar os perfis estratégicos e dar o devido apoio a todos aqueles que aceitam a implementação da ideia do Oceano Azul.

6. Maximizar as oportunidades

Essa técnica maximiza as oportunidades ao tempo que minimiza os riscos, uma vez que você consegue testar as ideias e refiná-las posteriormente.

7. O resultado

Com a técnica do Oceano Azul você consegue alinhar o valor, o lucro e as pessoas e obtém os resultados esperados.